O que é hermenêutica bíblica

O que é hermenêutica bíblica


Hermenêutica bíblica é a ciência e/ou a arte de interpretar as Sagradas Escrituras.

A palavra “hermenêutica” deriva do verbo grego “hermeneuein” cujo significado é interpretar, traduzir, explicar. 

Ao mesmo tempo em que a hermenêutica é a ciência da interpretação, por apresentar normas e regras bem definidas para fazê-la, também é a arte de interpretar, pois exige do interprete sensibilidade, flexibilidade e bom senso para tal exercício. 

Assim, a hermenêutica é a ciência e/ou a arte da interpretação. 

A hermenêutica é importante porque dela provém os métodos e regras necessárias à interpretação do texto bíblico. É por meio dela que se pode descobrir o que de fato Deus quis revelar ao homem. 

Em II Timóteo 2:15, Paulo recomenda a Timóteo que maneje bem as Escrituras, isso significa conhecer, interpretar e ensinar corretamente a palavra de Deus. 



Procura apresentar-te a Deus aprovado, 
como obreiro que não tem de que se envergonhar, 
que maneja bem a palavra da verdade. 
(2 Timóteo 2:15) 



A hermenêutica bíblica depende de como o intérprete se posiciona diante da inspiração divina da Bíblia. 

A Bíblia, por sua origem divina, é a palavra de Deus. Embora possua dupla natureza, divina e humana, a Bíblia é, toda ela, a palavra de Deus. Pois, os escritores foram conduzidos pelo Espírito Santo para redigi-la. 



Toda a Escritura é divinamente inspirada, 
e proveitosa para ensinar, para redarguir, 
para corrigir, para instruir em justiça; 
Para que o homem de Deus seja perfeito, 
e perfeitamente instruído para toda a boa obra. 
(2 Timóteo 3:16,17) 



A importância da hermenêutica bíblica 


As Escrituras Sagradas defendem a necessidade de uma hermenêutica bíblica. 

Em II Pedro 3:15,16, Pedro fala sobre a dificuldade em interpretar os escritos de Paulo. Já naquela época, fazia-se necessária a aplicação da hermenêutica bíblica, a fim de evitar falsas interpretações, como alguns o faziam. 



E tende por salvação a longanimidade de nosso Senhor; 
como também o nosso amado irmão Paulo vos escreveu, 
segundo a sabedoria que lhe foi dada; 
Falando disto, como em todas as suas epístolas, 
entre as quais há pontos difíceis de entender, 
que os indoutos e inconstantes torcem, 
e igualmente as outras Escrituras, para sua própria perdição. 
(2 Pedro 3:15,16) 



Assim, porque o servo do Senhor não é falsificador da palavra de Deus (II Cor. 2:17), maneje bem as Escrituras (II Tim. 2:15) 


Você gostaria de manejar bem a palavra de Deus e ser um obreiro aprovado? 

Gostaria de pregar a palavra de Deus com poder e autoridade? 




Hermenêutica bíblica na prática 


Vejamos abaixo alguns cuidados que devemos tomar ao fazer a hermenêutica bíblica. 


1. Ore 

O que é hermeneutica bíblica


2. Escolha o texto que deseja interpretar, leia-o quantas vezes julgar necessário. 


3. Conheça o contexto imediato - Para que possamos compreender bem o texto bíblico em estudo é necessário conhecer os versículos e capítulos anteriores e posteriores a esse texto. Em alguns casos, faz-se necessário a leitura do livro completo. 


4. Use várias traduções bíblicas para uma melhor compreensão do texto. 


* A regra fundamental da hermenêutica diz que “a Bíblia é explicada pela própria Bíblia”. Isso significa que a Bíblia deve ser usada como recurso para entender ela mesma. 


5. Tenha em mãos um bom dicionário bíblico para esclarecer o significado das palavras e expressões que você não compreender. 


6. Para compreender o contexto cultural, responda as seguintes questões: 

a. Quem escreveu? 

b. Quando escreveu? 

c. Para quem o autor escreveu? 

d. Qual era o ambiente sociocultural e espiritual do autor e destinatários? 

e. Qual o objetivo do escritor? 


7. Faça a aplicação. 

A hermenêutica bíblica começa com a interpretação e compreensão do texto, ambas devem conduzir o hermeneuta ao alvo final: A aplicação. 


Assista agora a aula gratuita: A Aplicação Prática do Sermão 


A hermenêutica bíblica só terá efeito para o pregador e para a igreja se ao final responder à questão: O que devemos pôr em prática? 

Após todo o exercício de interpretação, que deve ser feito em oração, o pregador ou estudante da palavra de Deus, deve pedir ao Espírito Santo sabedoria para responder a pergunta “o que devo aplicar a minha vida?” e em seguida “o que deve ser aplicado à vida da congregação?”. Toda a palavra deve ser aplicada e praticada pelo povo de Deus. 



Feita a hermenêutica, o pregador deve passar para o próximo tópico: preparar o esboço do sermão. 



Para um melhor aprendizado deste conteúdo veja também: 

Aula gratuita => A Estrutura Básica do Sermão 




A Bíblia nos ensina em Colossenses 3:16 que a palavra de Deus deve habitar abundantemente em nós, que devemos ensinar e admoestar uns aos outros. 

Ensinar as Sagradas escrituras com fidelidade, poder e autoridade é dever de todo aquele que foi chamado para ser um pregador da palavra de Deus. 



A palavra de Cristo habite em vós abundantemente, 
em toda a sabedoria, ensinando-vos e admoestando-vos uns 
aos outros, com salmos, hinos e cânticos espirituais, 
cantando ao Senhor com graça em vosso coração. 
(Colossenses 3:16) 



Jesus abençoe o seu ministério!


Veja também  Como preparar um sermão



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

crescimento da igreja
Projetos para fazer a igreja crescer são estratégias, baseadas em princípios bíblicos, pelas quais se comunica o Evangelho de Jesus Cristo a toda criatura, com o objetivo de edificar a congregação e lograr o crescimento da igreja local.

Preocupados com o crescimento da igreja, muitos líderes vão em busca de projetos para fazer a igreja crescer. Pensando nisso, listei abaixo 7 projetos que, se implementados sob a liderança do Espírito Santo, trarão crescimento à igreja local.  (Continue lendo)