Ministério de Homens na Igreja


7 motivos para começar com o Ministério de Homens na Igreja


Ministério de homens na igreja


Historicamente o homem é visto como um ser autossuficiente, como um indivíduo que possui uma tendência natural a viver de maneira independente, sem necessitar da presença de outros que o ajude a caminhar. Porém, esta pretensão de autossuficiência e independência não passa de uma ilusão criada por satanás que inclusive tem plantado no coração do homem o pensamento “sou um homem, não preciso de pastor”.

O homem foi criado por Deus para viver em sociedade, do Génesis ao Apocalipse fica claro que não é bom que este viva só e que como ovelha carece de um pastor.

O ministério de homens na Igreja se faz cada vez mais necessário devido a necessidade que os varões cristãos têm de viver em um grupo que os aceite e os ajude a viver em comunhão com Cristo.

É muito comum vermos nas igrejas ministérios de mulheres bem estruturados, com mulheres de oração comprometidas com a palavra de Deus e com o Ide de Jesus. Porém, é raro encontrarmos ministérios de homens com o mesmo compromisso e empenho. Alguns afirmam que isso se dá ao fato de que os homens não carecem da comunhão afetiva desenvolvida nos pequenos grupos, outros dizem que é porque a maioria dos cargos eclesiásticos já são ocupados pelos mesmos e dessa forma não se faz necessário um ministério de homens na igreja.

Mas, afinal, porque uma igreja deve investir no ministério de homens? A resposta para essa pergunta é simples: o ministério de homens tem o propósito de ganhar, desenvolver e capacitar o homem em Cristo Jesus.


Vejamos abaixo 7 motivos para investir no Ministério de Homens na Igreja:



1. Fortalecer o papel do homem como cabeça da família.


A família é uma instituição muito atacada nos dias atuais. O papel do homem como cabeça do lar e/ou como mantenedor está cada vez mais ultrapassado. A união masculina fortalecerá a visão de Deus para a família.

2. Manter os varões unidos e fortalecidos pela comunhão.


A vida em comunidade ajuda-os a permanecer longe da influência do mundo. Muitos têm vícios como a pornografia, sofrem assédio no trabalho, têm o hábito de passar os dias/horas de lazer na companhia de incrédulos, etc. Esta é uma excelente estratégia para engajar até mesmo os mais introvertidos.

3. É uma excelente estratégia de evangelismo na comunidade.


Os varões podem atuar com esporte, ação social, ajudando aqueles que estiverem desempregados, etc.

4. Orientação empresarial a luz da Bíblia.


5. Fortalecer os ministérios de diáconos, presbíteros, pastores e obreiros. Bem como a criação do coral de varões.


6. Treinamento e capacitação para pregadores.


7. Manutenção da fé dos irmãos.



Para que o ministério de varões tenha êxito e atinja seus propósitos, é necessário sacrifício pessoal e compromisso com Deus por parte dos envolvidos.

Esse é um grande desafio para a igreja local, mas que sem dúvida pode trazer muitos benefícios para o corpo de Cristo.

Que o Senhor Jesus abençoe seu ministério e o capacite para alcançar as metas que Ele mesmo tem colocado em seu coração.


Paz!




7 Ideias Para O Ministério Feminino Nas Igrejas


Ministério feminino nas igrejas evangélicas


Mobilizar o ministério feminino nas igrejas evangélicas é algo que deve começar no coração do líder. O líder, movido pelo Espírito Santo, deve ser um exemplo de coragem, ânimo, força, poder, fé e ação. Infelizmente, alguns líderes ainda não entenderam que os liderados precisam ser um reflexo de seu guia e esperam que a motivação nasça no coração dos membros antes mesmo de nascer no coração da liderança.


- Irmã, líder do ministério feminino, deixa Deus te usar, sê tu um exemplo de mulher segundo o coração de Deus, inspira as tuas lideradas, mobiliza aquelas que estão contigo, ensinando-as a viver o evangelho com paixão e compromisso.


Para ajudá-las nesta missão preparei este conteúdo que espero ser bênção em vossos ministérios.


7 ideias para o Ministério Feminino nas igrejas:


1. Irmã de oração

Faça um sorteio com as irmãs de modo que fiquem de duas em duas, cada dupla será chamada de “irmãs de oração”. Anime as irmãs a orarem uma pela outra e a terem um momento de comunhão a fim de compartilharem de suas vidas.

2. Visita nos lares

Crie um grupo para que realizem visitas às irmãs que se encontrarem faltosas, distantes, desanimadas, enfermas ou com alguma necessidade especial. Este grupo pode realizar visitas também em momentos felizes como o nascimento de um bebê, aniversário surpresa de uma irmã, ou ainda uma simples devocional com café da manhã na casa de uma irmã para fortalecer o grupo.


3. Recorde a data de aniversário

Mantenha uma agenda com a data de aniversário das irmãs. É importante lembrar das aniversariantes e se possível presenteá-las com alguma lembrancinha.

4. Mentoria

Coloque mulheres mais velhas com as mais jovens para que exerçam um programa de mentoria. Use desta estratégia sempre que alguma jovem apresentar dificuldades no casamento, família, doutrinário, trabalho, etc. Isso é bíblico e inteligente.


5. Estudo bíblico

Este é um método indispensável para desenvolver e promover o crescimento pessoal e espiritual entre as mulheres. Faça um planejamento dos temas mais importantes para o grupo e convide os preletores com antecedência.


6. Faça discípulas

Ajude as mulheres a descobrirem seus dons e talentos, e a se colocarem a disposição do Reino.

7. Intercessão

Interceda pelo grupo, peça a Deus que levante mulheres maduras dispostas a contribuir com o crescimento do Reino de Deus. Crie um grupo de intercessão pela mobilização das mulheres da sua igreja.



#Dica Bônus

Pequenos Grupos ou Células


Se seu grupo de mulheres é grande, faça uso desta estratégia. O fato de ser um grupo numeroso pode deixar algumas irmãs de fora da comunhão, mas este problema pode ser resolvido com os grupos de vida. Os pequenos grupos ou células podem ser uma bênção na vida das irmãs, além de ter o poder de multiplicar.


Antes de implementar qualquer destas estratégias estude o seu grupo, as necessidades, particularidades, pontos fortes e pontos fracos, conheça suas mulheres e principalmente ore ao Senhor. Ore e peça a Deus a melhor estratégia para o seu ministério. A obra é Dele, e Ele certamente abençoará.


- Espero que este conteúdo seja uma bênção para o ministério feminino na igreja local.


Como fazer uma Igreja crescer


A Bíblia não nos fala especificamente sobre o crescimento da Igreja, mas em Atos 2. 42-47 encontramos a descrição de uma igreja viva que experimenta um crescimento saudável e espontâneo.

Como fazer uma igreja crescer


“Eles se dedicavam ao ensino dos apóstolos e à comunhão, ao partir do pão e às orações.
Todos estavam cheios de temor, e muitas maravilhas e sinais eram feitos pelos apóstolos.
Todos os que criam mantinham-se unidos e tinham tudo em comum.
Vendendo suas propriedades e bens, distribuíam a cada um conforme a sua necessidade.
Todos os dias, continuavam a reunir-se no pátio do templo. Partiam o pão em suas casas, e juntos participavam das refeições, com alegria e sinceridade de coração.
Louvando a Deus e tendo a simpatia de todo o povo. E o Senhor lhes acrescentava todos os dias os que iam sendo salvos.”
Atos 2: 42-47


Como fazer uma igreja crescer


Veja também Manual de Crescimento da Igreja



Dedicavam-se ao ensino... (Atos 2. 42)
O verdadeiro crescimento não consiste em aumentar a lista de rol de membros de uma congregação semanalmente, mas em crescer em graça e conhecimento. Uma Igreja pode ter muitos membros e até crescer periodicamente e ainda assim estar morta espiritualmente. Por outro lado, pode estar viva mesmo que sua membresia não aumente.

Quando uma igreja dedica-se ao ensino da palavra e incentiva a prática da leitura bíblica diária, experimenta um ciclo de crescimento natural, pois a palavra é viva e eficaz (Hebreus 4.12) e alimenta (Mateus 4.4) e liberta (João 8.32), quem nela medida dia e noite cresce em graça e conhecimento.


Dedicavam-se a comunhão e ao partir do pão (Atos 2. 42)

Os crentes da primeira igreja experimentavam uma comunhão perfeita, reuniam-se todos os dias, compartilhavam tudo o que tinham, partiam o pão e o faziam com alegria e generosidade. Louvavam a Deus e tinham a simpatia de todo o povo (Atos 2. 47)


Dedicavam-se a oração... (Atos 2. 42)

Através da oração o Senhor nos revela qual é o seu propósito/plano para a Igreja e nos dá sabedoria para agir diante das diferentes situações. O verdadeiro relacionamento com Deus depende da oração. De que outro modo poderemos saber se determinado projeto para fazer a Igreja crescer é de Deus ou simplesmente, vontade nossa?

A Igreja é Dele, Cristo é a cabeça da Igreja e o crescimento depende exclusivamente Dele (Mateus 16:18). Nenhuma estratégia de crescimento para a igreja funciona sem a intervenção divina.



E o Senhor lhes acrescentava... (Atos 2. 47)


É Deus quem dá o crescimento.

A Bíblia diz que se faz necessário que alguns plantem, outros reguem, mas quem dá o crescimento é Deus.

“De modo que, nem o que planta é alguma coisa, nem o que rega, mas Deus, que dá o crescimento.”
1 Coríntios 3.7




Manual de crescimento da igreja




Deve haver um equilíbrio entre quem planta, quem rega e todas as outras atividades dentro da igreja, cada membro deve saber qual é o seu dom espiritual e submeter-se a vontade de Deus para que o corpo funcione perfeitamente e alcance um ciclo de crescimento natural.

Finalmente, quando a Igreja persevera no ensino, na oração, na comunhão, no partir do pão e os membros comunicam seus dons espirituais, experimenta o crescimento dado por Deus.



O melhor plano de crescimento da igreja: 


Oração + Ensino da Palavra + Comunhão = Crescimento



projetos para fazer a igreja crescer






Manual de crescimento da igreja



Jesus o abençoe!

Postagem em destaque

crescimento da igreja
Projetos para fazer a igreja crescer são estratégias, baseadas em princípios bíblicos, pelas quais se comunica o Evangelho de Jesus Cristo a toda criatura, com o objetivo de edificar a congregação e lograr o crescimento da igreja local.

Preocupados com o crescimento da igreja, muitos líderes vão em busca de projetos para fazer a igreja crescer. Pensando nisso, listei abaixo 7 projetos que, se implementados sob a liderança do Espírito Santo, trarão crescimento à igreja local.  (Continue lendo)